Poeminha de domingo

I

Dominguei você
Seu risinho safo

Olhos de chinês, me disseram:
– Veja, o domingo está posto na mesa!
Ah, sim! A mesa de domingo…
Que vontade de você, domingo

Mesa cheia, mesa farta
Gente na mesa, pratos conversando
Talhares ta-ta-lha-lha-tlá-tlá
Copos, distantes da mesa
Perto da mesa, copos

II

Domingo de você
Minha saudade de futuro

Olhos redondos, me disseram:
– Silêncio, o domingo foi embora
Ah, domingo… Não se vá
Que saudade de você, domingo

Mesa vazia, mesa falta
Deixe a mesa, os pratos calados
Talheres, ó, não há
Copos, distantes da mesa
Perto da mesa, mosca

III

Domingará, você
Amanhece em mim

Olhos serenos, me disseram:
– Faça o seu domingo, hoje, mais uma vez
Ah, domingo…te chamei pra perto
Vem ser família, domingo

Vou montar mesa, mesa nova
Os pratos vão aprender a falar
Talheres tagarelas (virá)
Copos vem à mesa
Cada vez mais perto

(estamos)

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s